WiFi Wireless Fidelity

Realiza a transmissão de dados entre o roteador e os dispositivos da LAN usando ondas de rádio. As bandas de frequência utilizadas podem ser 2,4GHz e 5Ghz.

Categoria de Tecnologia

Postado em 28 janeiro 2023

Atualizado em 28 janeiro 2023

Visualizações: 198



A internet possui uma variedade de recursos que facilitam a vida das pessoas. Tecnologias de telemática permitem que os usuários possam se conectar com a internet mesmo estando em um ambiente externo e em locomoção.

No conforto de suas casas, os usuários também querem desfrutar de uma internet rápida e sem fio para assistir vídeos, jogar jogos e enviar mensagens de texto seja no smartphone ou no computador. Isso tudo é possível graças ao WiFi.

O que é o WiFi?

WiFi é uma abreviação de “Wireless Fidelity”, em português, “fidelidade sem fio”.

O WiFi é uma tecnologia que permite a conexão de dispositivos à internet ou a uma rede local para enviar e receber dados. A transferência de dados é feita com ondas de rádio e sem a presença de fios, podendo ter uma média de alcance de 30 metros. Geralmente, o dispositivo WiFi permite que múltiplos dispositivos se conectem a rede, podendo chegar a centenas de dispositivos conectados simultaneamente. Porém, isso pode trazer desvantagens como sobrecarregamento de rede, afetando a qualidade da transferência de dados.

As primeiras redes WiFi foram lançadas comercialmente no ano de 1997, se popularizando com o decorrer do tempo e substituindo os meios que serviam de conexão para rede, como o cabo Ethernet. Além disso, o WiFi pode substituir outras tecnologias como o bluetooth e o 4G, pois possui maior alcance em relação ao bluetooth e pode ser mais rápida do que o 4G.

Baseando-se no modelo OSI, em uma rede, o WiFi atua na camada de enlace. O WiFi identifica os dispositivos usando o endereço MAC (Media Access Control) dos dispositivos, cujo endereço é atribuído pelo próprio fabricante do dispositivo, sendo fixo e único em todo o mundo.

Como funciona o WiFi?

O WiFi usa ondas de rádios para a transferências de dados, podendo ter uma banda de frequência de 2,4GHz ou 5GHz. O dispositivo responsável por emitir sinais de rádio e gerenciar os dispositivos conectados com a rede é o roteador. Para poder receber sinais do roteador WiFi e se conectar com a rede, o dispositivo precisa estar equipado com uma placa de rede sem fio. Dispositivos como computadores e smartphones já são equipados com essa placa. Uma vez que esses dispositivos são capazes de detectar os sinais de WiFi, eles precisam realizar uma autenticação usando informações de usuário e senha para ter acesso a rede através do roteador.

exemplo de wifi em uma residência

O protocolo padrão utilizado pelo WiFi é o IEEE 802.11. Esse protocolo permite que os dispositivos possam se comunicar com o roteador usando rádio frequência. Além disso, integra outros protocolos de autenticação e criptografia para aumentar a segurança e proteger a rede de acessos não autorizados e manter a privacidade dos dados transmitidos. Os protocolos de segurança que podem ser integrados são WPA (Wi-Fi Protected Access) e WPA2. Outros protocolos como o DHCP também são usados em conjunto para gerenciar a rede com tarefas como atribuição dinâmica de endereços IP.

Qual é a diferença entre a banda de frequência 2,4GHz e 5GHz?

A largura de banda da banda de frequência 2,4GHz é de 80MHz, e a de 5GHz é de 160MHz. Em outras palavras, a 5GHz é mais rápida do que a 2GHz, pois pode suportar mais dados. Outra vantagem do 5GHz é que ela não sofre interferência de outros sinais, pois são poucos dispositivos que usam essa banda de frequência para realizar a comunicação de dados. Entretanto, a banda de 2,4GHz pode penetrar paredes e obstáculos com mais facilidade, tendo um alcance mais longo do que a banda 5GHz.

Em outras palavras, a banda 2,4GHz é indicada para dispositivos de uso externo que precisam de um maior alcance e a banda 5GHz é indicada para dispositivos de uso interno que precisam de maior velocidade de transferência de dados.

Conclusão

O WiFi é uma tecnologia que utiliza ondas de rádio para estabelecer conexões e realizar transferência de dados entre os dispositivos e o roteador. O roteador é dispositivo responsável por emitir sinais e detectar os dispositivos equipados com uma placa de rede sem fio.

Veja também

Pessoas sem um endereço não podem utilizar os correios. Dispositivos sem um endereço não podem acessar a internet.

Quando nos conectamos à internet, nós recebemos um endereço IP. O endereço IP é o nosso endereço virtual que vai servir como localização para a transferência de dados na internet

Já pensou ser redirecionado para um site de banco falso?

O envenenamento de cache DNS redireciona o usuário para um site falso, mesmo digitando um URL legítimo. Como isso é possível??!!

Tipos de serviços de servidor

Práticas como hospedagem de sites ou negócios online necessitam de servidores conectados à internet para permitir o acesso externo ao conteúdo.

Protocolos de e-mail

Ao todo, temos três protocolos que usados para o envio e o recebimento de e-mails. Esses protocolos são SMTP, POP3 e IMAP.

Governança de TI

Responsável por tratar de assuntos envolvendo tecnologia da informação com o alto escalão para gerar valores na área de TI

VPN Rede virtual privada

A VPN permite a transferência de dados de modo privado e seguro em uma rede pública sem a utilização de infraestrutura adicional.