Tipos de serviços de servidor

Práticas como hospedagem de sites ou negócios online necessitam de servidores conectados à internet para permitir o acesso externo ao conteúdo.

Categoria de Tecnologia

Postado em 17 setembro 2022

Atualizado em 17 setembro 2022

Visualizações: 82



O aumento da digitalização da informação tem aumentado a demanda dos servidores. A internet se tornou um meio de investimento e estratégia para impulsionar um negócio, seja para armazenamento de dados ou disponibilização de serviços online.

Sem dúvidas, ter um servidor é indispensável para muitas empresas ou pequenos empreendimentos.

Dependendo da escala do negócio, grandes obstáculos podem aparecer durante o caminho, como alto nível de tráfego de usuários e inúmeros acessos em um pequeno período de tempo. Um pequeno problema no servidor, pode gerar grandes perdas financeiras em muitos aspectos. Por isso, manutenção e monitoramento são tarefas essenciais para manter o servidor em bom funcionamento.

Ter um servidor pode trazer dores de cabeça para empreendedores em relação aos custos. Por isso, vários tipos de serviços de servidor são proporcionados.

Por que ter um servidor é necessário?

A internet tem se tornado o meio mais viável para a propagação de informação. Hoje, grande parte das pessoas buscam informações na internet, através de sistemas de busca. Por isso, ter um site próprio hospedado na internet pode impulsionar em larga escala o acesso as informações de um negócio.

Postar detalhes sobre um negócio nas mídias sociais também estimula o alcance de um negócio e não necessita de um servidor. Porém, ter um site próprio do negócio pode oferecer mais confiança e informações mais detalhadas sobre o negócio.

Como ter um servidor?

Existem diversas formas de ter um servidor, alguns exemplos são:

  • Servidor on-premise
  • Alojamento de servidor (Housing, colocation)
  • Serviço de hospedagem
  • Serviços de nuvem

O que é um servidor on-premise e para que ele é utilizado?

Servidor on-premise é um termo usado para descrever um servidor que é de total responsabilidade da empresa ou do indivíduo, envolvendo infraestrutura. Ou seja, obrigações como espaço para infraestrutura, manutenção, monitoramento, atualização de softwares e prevenção de desastres serão de total responsabilidade da empresa.

Ter um servidor on-premise pode gerar grandes custos com energia e contratação de especialistas. Pode ser custoso e desvantajoso para negócios que não são focados em tecnologia.

Empresas que possuem uma rede privada e encarregam-se de dados sigilosos podem optar pelo servidor on-premise, uma vez que possuem total controle do servidor.

servidor on-premise

O que é o alojamento de um servidor e qual é a importância disso?

A prática de alojamento de servidor também é chamada de housing e colocation.

Esse método oferece espaço e a infraestrutura necessária para o alojamento de um servidor. Em outras palavras, o servidor pertence a empresa que irá fazer o uso do serviço de alojamento, porém infraestrutura como gabinete e determinados cabos de conexão serão oferecidos pelo serviço de alojamento.

Alojar um servidor em um local especializado em alojamento pode trazer benefícios como segurança em relação a desastres naturais, maior largura de banda e cortes de custos com energia.

alojamento de servidor

O que é o serviço de hospedagem e para que ele serve?

O serviço de hospedagem, ou hosting em inglês, oferece um servidor para o aluguel.

O usuário aluga um servidor ou uma porção do servidor por um período de tempo para implantar o seu site ou software.

Esse é o método mais comum, por ser econômico e simples.

servidor hospedagem

O que é um serviço em nuvem?

Serviços em nuvem oferecem softwares já hospedados em servidores, facilitando o processo de propagação de conteúdo mesmo para pessoas que não possuem tanto conhecimento em ciência da computação.

A nuvem é bastante similar com o serviço de hospedagem pelo fato que só é cobrado a porção utilizada, porém são serviços diferentes.

Qual é a diferença entre nuvem e hosting?

No serviço de hosting(hospedagem) a infraestrutura é de posse do vendedor. Já a nuvem, a infraestrutura não é necessariamente de posse do vendedor, podendo ser qualquer outro computador em algum lugar do mundo.

Conclusão

Práticas como hospedagem de sites ou negócios online necessitam de servidores conectados à internet para permitir o acesso externo ao conteúdo.

Possuir um servidor pode ser problemático para alguns empreendedores, por isso vários serviços que auxiliam na obtenção e mantimento de servidores são oferecidos.