ERP Enterprise Resource Planning

Software que possibilita o gerenciamento de todos os recursos da empresa em um só sistema. Esses recursos são capital, pessoas, coisas e informações.

Categoria de Estratégia

Postado em 12 setembro 2022

Atualizado em 12 setembro 2022

Visualizações: 89



Após a implementação de computadores nos escritórios de trabalho, o desempenho dos funcionários tem mostrado uma significativa melhora em relação aos processos que antes eram totalmente manuais.

Conforme a tecnologia avança, mais processos podem ser automatizados. Isso faz com que funcionários tenham mais tempo para se aprofundar e discutir tomadas de decisões importantes para um negócio e extinguir horas extras por grande quantidade de trabalho.

A automatização de tarefas e gerenciamento em tempo real são funções que revolucionaram o modo de planejar os recursos de uma empresa. Hoje, existe o ERP que é um sistema estratégico e extremamente importante para negócios que buscam por eficiência.

O que é ERP?

ERP é a sigla para “Enterprise Resource Planning”, em português, planejamento de recursos empresariais.

Também chamado de sistema integrado de gestão empresarial, o ERP é um software que possibilita o gerenciamento de todos os recursos da empresa em um só sistema. Esses recursos geralmente são capital, pessoas, coisas e informações.

planejamento de recursos empresariais

Gerenciamento de capital no ERP

Exemplos de gerenciamento de capital são:

  • Contabilidade
  • Faturamento
  • Lucro
  • Custos

O ERP automatiza cálculos de processos financeiros, trazendo mais transparência e precisão nos resultados comparado ao trabalho manual.

Dependendo da integração do sistema ERP utilizado, os cálculos podem ser realizados em tempo real, trazendo resultados atualizados com rapidez.

Gerenciamento de pessoas no ERP

O gerenciamento de pessoas se refere ao gerenciamento de recursos humanos, como:

  • Cálculo de salários
  • Gestão de recrutamentos
  • Portal de atendimento para funcionários

Além de automatizar os processos, facilita o gerenciamento e a comunicação entre funcionários, atendendo reclamações de funcionários em uma única plataforma, melhorando a satisfação dos funcionários em relação aos seus descontentamentos.

Gerenciamento de coisas no ERP

O sistema ERP agiliza o processo de administração de compras, vendas e estoque de produtos. Exemplos de módulos que podem ser implementados no ERP para o gerenciamento de coisas são:

  • Monitoramento em tempo real de compras, vendas e estoque de produtos
  • Solicitação de reabastecimento de produtos através de formulários do sistema

O monitoramento em tempo real diminui os custos e gastos desnecessários com estoque de produtos. Esse fator também possibilita uma resposta mais rápida da empresa em relação ao fluxo de produtos.

Gerenciamento de informações no ERP

Informações como o número de compras e vendas no passado que possam servir de estratégia para o futuro são constantemente gravadas no banco de dados do sistema ERP.

Toda e qualquer informação pode ser compartilhada através dos departamentos com a devida segurança do software. Tecnologias como a nuvem são adotadas por sistemas famosos de ERP, oferecendo acesso e envio de dados com extrema rapidez.

Como funciona o ERP?

O sistema ERP possui diversos módulos que atendem diferentes tipos de necessidades de empresas. Conforme a empresa necessite de determinados módulos, ela pode baixar e utilizar sem maiores problemas.

O módulo é alguma nova funcionalidade que pode ser implementada no sistema ERP da empresa. Exemplos de módulos são:

  • Finanças
  • Compras
  • Fabricação
  • Gestão de inventário
  • Gerenciamento de pedidos
  • Gestão de relacionamento com o cliente

Conhecimento de programação é necessário para a integração de sistemas com o ERP, em algumas empresas já existem especialistas em ERP.

Quais são os tipos de ERP?

Existem três tipos de softwares ERP:

  • ERP local (On-Premise ERP software)
  • ERP na nuvem (Cloud-based ERP software)
  • ERP híbrido (Hybrid ERP software)

O que é o ERP local?

O ERP local consiste na criação do sistema dentro da empresa, ou seja, a empresa será responsável pelo desenvolvimento do seu próprio sistema ERP, incluindo a infraestrutura.

A ERP local pode ter grandes custos iniciais, porém podem ser vantajosos ao longo prazo, além de oferecer mais flexibilidade do que um sistema ERP já pronto.

Portanto, o ERP local permite um controle total da empresa que a desenvolveu.

O que é o ERP na nuvem?

Geralmente, o ERP na nuvem é adquirido com inscrições online. O ERP na nuvem é um serviço SaaS, portanto sendo um software pronto para o uso.

Sua grande vantagem é o corte dos custos iniciais e os custos de manutenção ao longo prazo.

O ERP na nuvem pode não atender completamente as necessidades da empresa, uma vez que cada lógica de negócio é diferente.

O que é o ERP híbrido?

O ERP híbrido é a combinação do ERP na nuvem e ERP local. Bastante vantajoso devido a sua flexibilidade e velocidade de desenvolvimento, uma vez que grande parte do sistema necessário já é proporcionado pela nuvem.

O sistema híbrido varia de acordo com as necessidades da empresa.

Conclusão

O ERP é um sistema de gerenciamento de recursos de uma empresa, como recursos humanos, capital, informação e produtos.

Vários processos podem ser automatizados com o ERP, cortando custos, melhorando a qualidade do trabalho dos funcionários e melhorando a eficiência do gerenciamento de recursos.