Blockchain Parte1

Blockchain pode ser interpretado como uma caderneta bancária, nela é registrado o histórico de todas as transações realizadas na nossa conta bancária.

Categoria de Tecnologia

Postado em 07 abril 2022

Atualizado em 21 julho 2022

Palavras-chave: cryptocurrency,criptomoeda,dinheiro,virtual,digital,blockchain,hash,sha256,criptografia,assimétrica,fintech

Visualizações: 1469

Antigamente, correspondências eram trocadas pelo correio. Cartas eram escritas em papel e transportadas manualmente. Dependendo da distância, poderiam demorar até semanas para a carta chegar até o seu destino.

Com a chegada da internet, tecnologias inovadoras foram criadas. Uma delas é o email. Com um email eletrônico, tornou-se possível mandar cartas de modo digital com extrema facilidade.

A criptomoeda também foi uma inovação no mundo digital. A criptomoeda pode ser utilizada como dinheiro para compras e vendas, de modo totalmente digital.

O que torna a criptomoeda tão eficiente e segura é o blockchain.

O que é blockchain?

Blockchain é base para muitas criptomoedas, como bitcoin. Graças à essa técnica é possível criar um sistema financeiro descentralizado extremamente seguro.

blockchain

Blockchain pode ser traduzida para “corrente de blocos”, podendo ser interpretado como uma caderneta bancária. Na caderneta bancária é registrado o histórico de todas as transações realizadas na nossa conta bancária. No blockchain isso funciona da mesma forma, porém a grande diferença é que todos os usuários usam a mesma caderneta.

Uma caderneta bancária compartilhada por muitos usuários não parece ser muito segura, pois usuários podem sacar mais dinheiro do que depositaram e isso seria um grande problema se de fato fosse possível.

Cada transação feita no blockchain corresponde à um bloco adicionado ao chain (corrente). Cada bloco possui uma assinatura digital. É essa assinatura digital que vai permitir você sacar apenas o dinheiro que você depositou. Essa quantia pode variar dependendo da oscilação da criptomoeda.

Imagine a seguinte situação:

PedroBlockchainLucasComprou R$10Comprou R$10PedroBlockchainLucas

Lucas e Pedro compraram 10 reais de criptomoeda cada um, gerando dois blocos que serão conectados ao final do blockchain.

...
Bloco1
Bloco2
- Bloco 1 Bloco 2
prevHash cf73e7…
hash cf73e7… 881b29…
dados 75aacb… 864fa8…
timestamp 1649404053 1649490453

prevHash = Hash do bloco anterior
hash = Hash do bloco atual
data = Todos os dados da transação
timestamp = Data da transação

Podemos observar que todos os dados são criptografados, por isso não conseguimos saber os dados da transação.

Para criptografar esses dados usamos um algoritmo matemático chamado hash. O hash é unidirecional, portanto não é possível descriptografar dados que já foram criptografados.

Existem vários tipos de hash, o hash utilizado no bitcoin é o SHA256. O SHA256 transforma qualquer mensagem em uma mensagem criptografada de 64 letras e números.
O número de mensagens criptografadas que podem ser geradas por esse algoritmo é astromicamente grande.

SHA256=2256 SHA256 = 2^{256}

Porém isso não é o bastante. Apesar da demora, uma mensagem criptografada por SHA256 pode ser adivinhada usando um computador que pode fazer mais de 1000 tentativas por segundo. O agressor usa mensagens aleatórias que são criptografadas até encontrar o mesmo hash do bloco anterior. Isso é possível porque se duas mensagens completamente iguais serem criptografadas, o resultado vai ser o mesmo.

Antes Depois
dicionariotec c951a…563
dicionariotec c951a…563

É possível observar que o resultado é exatamente igual. Se mudarmos uma letra, o resultado é totalmente diferente.

Antes Depois
dicionariotec c951a…563
dicionariotec1 098b6…983

Apesar de ser um algoritmo poderoso, o hash pode ser adivinhado.

Felizmente, há medidas para evitar esse tipo de ataque, usando criptografia assimétrica. Ou seja, adicionando mais uma camada de criptografia.

Antes dos dados serem criptografados, a chave privada do usuário que fez a transação irá ser adicionada aos dados. Assim, quando esse usuário quiser acessar essa transação no futuro ele terá que usar a chave pública que ele possui. A chave pública se tornará a assinatura digital. Se essa chave for perdida o acesso à transação também irá ser perdida.

Conclusão

Blockchain é um sistema simples com um mecanismo seguro e transparente.

Todas as transações são criptografadas e gravadas em forma de bloco. Esse bloco será adicionado a corrente, formando uma corrente longa contendo todas as informações de transações.

Projetos práticos

Tutorial de programação do jogo da serpente em javascript

Programando o clássico jogo da serpente usando o framework p5.js. Tutorial indicado para iniciantes da programação que querem aprender os conceitos básico da área criando jogos.

Implementando um algoritmo de pathfinding

Implementando um programa que encontra a menor distância entre dois pontos dentro de um labirinto usando o algoritmo A* (a-estrela).

Desenvolvendo o campo de visão de um personagem em um plano 2D

Detectando objetos que entram dentro do campo de visão do personagem. Útil para servir de "gatilho" para eventos em um jogo.

Integrando Laravel com o protocolo MQTT para comunicação entre dispositivos

Projeto de comunicação entre dois dispositivos ESP8266 e Raspberrypi4. Laravel irá funcionar como servidor e receptor de dados de temperatura e umidade coletados com o DHT11.

Criando um jogo de pacman usando javascript e pixi.js (parte 1)

Desenvolvimento dos conceitos mais básicos do clássico pacman, como: mapa, animação, deslocamento e detector de colisões.

Veja também

Antigamente, as linguagens de programação não tinham um modo tão flexível de escrever como hoje

A linguagem de programação orientada a objetos revolucionou o mundo da programação, sendo o tipo de linguagem mais utilizada na atualidade

Os três pilares de segurança da informação são o requerimento mínimo para um serviço seguro

A quantidade de programadores só tende a aumentar com o tempo. Porém, muitos programadores ainda não conhecem os três pilares de segurança da informação.

Blockchain Parte2

PoW atua como um intermediário não-humano entre os negociadores de criptomoedas. Em média, uma transação em bitcoin dura 10 minutos.

Vagar (Wander)

Técnica de algoritmo que faz o agente vagar pelo ambiente virtual sem um destino definido. Esse comportamento pertence ao steering behaviors.

VPN Rede virtual privada

A VPN permite a transferência de dados de modo privado e seguro em uma rede pública sem a utilização de infraestrutura adicional.

ESNI Indicação de nome de servidor criptografado

Versão criptografada do protocolo SNI. O SNI é usado para gerenciar múltiplos certificados TLS de sites em um único servidor.