Política de privacidade

A política de privacidade tem como objetivo informar ao usuário, o objetivo e o modo de tratamento dos dados pessoais coletados.

Categoria de Management

Postado em 27 maio 2022

Atualizado em 06 agosto 2022

Visualizações: 400

Com a utilização de sites de busca, o acesso a informação se tornou muito mais conveniente. Algoritmos de captura de dados realizam o processo de indexação de sites automaticamente, facilitando o acesso à sites contendo dados valiosos.

Porém, a relevância dos dados pode variar de usuário para usuário. Para melhorar a experiência, muitos sites e aplicativos utilizam dados pessoais do usuário.

A manipulação desses dados é protegida por lei. O usuário deve ser notificado sobre o uso desses dados de forma objetiva e clara. O modo de notificarmos esse usuário é através da política de privacidade.

O que é a política de privacidade?

A política de privacidade é um documento detalhado sobre como os dados do usuário serão utilizados.

Na política de privacidade devem ser abordados tópicos como:

  • Objetivo da coleta desses dados
  • Compartilhamento desses dados com terceiros
  • Tratamento desses dados

A política da privacidade tem como objetivo enfatizar a transparência do serviço em relação aos dados coletados de seus usuários. Na política de privacidade também deve constar como será garantida a segurança desses dados.

politica de privacidade

Dependendo do serviço, o modo como esses dados serão tratados pode ser bem diferente. Em alguns casos, certos usuários podem não querer compartilhar seus dados devido ao descontentamento de como esses dados serão utilizados.

É obrigatório ter uma política de privacidade?

A divulgação de sites pode ser realizada sem uma política de privacidade, porém isso pode trazer riscos para o proprietário do site.

Multas podem ser aplicadas pela LGDP

No Brasil a proteção de dados pessoais é efetuada pela LGPD (Lei Geral de proteção de dados). A LGDP exigi que qualquer serviço que usa dados pessoais de usuário que navega na internet, deve especificar de forma detalhada o uso desses dados.

Serviços que coletam dados sem o consentimento do usuário podem ser multados em até 50 milhões de reais. Infrações em relação a segurança como vazamento de dados também podem ser penalizados, chegando até 50 milhões de reais.

Quando é recomendável ter uma política de privacidade?

A política de dados não é obrigatória. Porém, se querermos que o nosso serviço seja levado a sério, ter uma política de privacidade é recomendável.

É importante destacar que hoje em dia é muito difícil não coletar dados pessoais. Esses dados são de extrema importância para podermos melhorar a experiência do usuário que navega no nosso site ou aplicativo.

Exemplos de técnicas que realizam coleta de dados pessoais são:

  • Cookies
  • Google analytics
  • Formulários
  • Lista de emails

Os exemplos acima necessitam uma política de privacidade para estarem de acordo com a LGDP, caso contrário podem ser penalizados perante a lei.

Exemplos de dados coletados que podem ser considerados dados pessoais são:

  • Email
  • Nome
  • Endereço
  • Endereço IP
  • Telefone
  • Histórico de tráfego

Quando usamos serviços de terceiros no nosso site, como google analytics devemos ficar atentos com as políticas de privacidade desse serviço. Google analytics usa históricos de tráfego e endereço IP para análise, portanto mesmo indiretamente estamos coletando dados pessoais.

Conclusão

A política de privacidade tem como objetivo informar o usuário, o objetivo e o modo de tratamento dos dados pessoais coletados.

Dados pessoais coletados sem o consentimento do usuário pode resultar em multas caríssimas, podendo chegar até 50 milhões de reais.

A política de privacidade é importantíssima para um site ser levado a sério, trazendo benefícios como transparência e proteção judicial em muitos casos.